Seja bem vindo ao meu blog, Deixe seu recado e opinião ;)
RSS

18 de julho de 2008

Deus costuma usar a solidão para nos ensinar sobre a convivência.
Às vezes, usa a raiva para que possamos compreender o infinito valor da paz.
Outras vezes usa o tédio, quando quer nos mostrar a importância da aventura e do abandono.
Deus costuma usar o silêncio para nos ensinar sobre a responsabilidade do que dizemos.
Às vezes usa o cansaço, para que possamos compreender o valor do despertar.
Outras vezes usa a doença, quando quer nos mostrar a importância da saúde.
Deus costuma usar o fogo, para nos ensinar a andar sobre a água.
Às vezes, usa a terra, para que possamos compreender o valor do ar.
Outras vezes usa a morte, quando quer nos mostrar a importância da vida.

Fernando Pessoa

5 comentários:

Helio Jenné disse...

Oi Luciana,
Cada vez curto mais o grande Fernando Pessoa, um dos grandes gênios da palavra! Fiquei muito feliz em encontrar esse blog e vou lincá-lo no Semana do Amor (http://semanadoamor.blogspot.com), pela convergência de propósitos! Parabéns pelo belo projeto e muito sucesso!

Pena disse...

Princesinha Luciana:
Deus é perfeito, como a minha amiga o é.
O que refere é muito importante na vida das pessoas.
Registei o que de mais puro apurei que nos justifica e justifica a nossa imensa significação existencial para a vida:
"Outras vezes usa a morte, quando quer nos mostrar a importância da vida."
Fernando Pessoa
É muito agradável vir aqui.
Sente-se sabedoria, genialidade e talento imensos.
Sempre que me silencio aqui, porque será? Visito-a com um prazer imenso, mas pelo que sinto, não vê valor nenhum de positivo, lá no meu cantinho ao que faço.
E, faço-o com tanta dedicação e carinho.
Sei que não sou obrigado a comentar o que escreve, assim como, não é obrigado visitar-me. Só que seria muito agradável pela estima que lhe tenho.
OBRIGADO pela sua sincera amizade.
Beijinhos amigos, com estima, respeito e consideração imensa.
Sempre a admirá-la muito.

pena

Fabio Brunetti - (O Muty) disse...

Fernando Pessoa é um gênio...

Lu Cantanhede disse...

Pena, meu querido amigo, é simplesmente impossível não dar valor ao seus belos textos, que tanto tocam meus sentimentos. Louca seria se não gostasse de seu cantinho, adoro-o muito e visito sim, sempre, apesar de não deixar sempre comentários que lhe são dignos. Desculpa por favor, irei me atentar mais em deixar comentários quando me encontrar por lá, sim?
Beijos de quem te admira muito. Sempre.

Valentina disse...

Valentina...

Olá Lu, acehi seu blog muito interessante, parabéns... visite meu blog (www.asfacesdevalentina.blogspot.com)te espero lá...

Postar um comentário

Tags Autores e Temas

Ailin Aleixo (1) Albert Einsten (2) Álvaro de Campos (1) Amizade (28) Amor (80) amor próprio (6) André Compte-Sponville (1) Animais (4) Antoine de Saint-Exupéry (1) Ariano Suassuna (1) Arjuna Baptiston (1) Arquivo Pessoal (28) Arthur Schopenhauer (2) atitude (10) Augusto Cury (1) Autor desconhecido - A.D. (10) Awards (2) Beatriz Brum (1) Bob Marley (2) Buda (1) Caio F. Abreu (2) Carinho (1) Carlos Drummond de Andrade (11) Cazuza (1) Cecília Meireles (5) Charlie Brown Jr (1) Chico Buarque (1) Ciumes (1) Clarice Lispector (6) Clarisse Correa (1) Colleen Houck (1) coração (2) Crescer (1) Dalai-Lama (3) dieta (1) dificuldades (3) Diversos (48) Dom Helder Câmara (1) Drogas (2) Educação (2) Escolhas (1) etnia (1) Eu me chamo Antonio (2) Família (5) Felicidade (17) Fernanda Mello (1) Fernando Pessoa (12) Filmes (3) Foto mensagem (5) Frases (74) futuro (5) Gabriel Silva (1) Gandhi (3) Haroldo de Campos (1) Hermann Hesse (1) Humanidade (12) Humor (27) Isadora Lustosa (1) Kelly Clarkson (1) Kid Cudi (1) Leo Buscaglia (1) Luis Carlos Lisboa (1) Luis Fernando Veríssimo (2) Luiz Pondé (1) Machado de Assis (1) Mafalda (1) Malala Yousafzai (1) Marcos Donizetti (1) Marilyn Monroe (1) Mario Quintana (16) Martha Medeiros (3) medo (1) Michel Melamed (1) Millôr Fernandes (1) Mulher (20) Música (17) Natureza (11) Oscar Wilde (1) Osho (3) Pablo Neruda (4) Padre Fábio de Melo (2) Paulo Coelho (6) Paz (3) PC Siqueira (1) Placas (2) Poemas (20) Política (1) Positividade (7) Provérbios (19) Quadrinhos (4) realidade (1) Reflexões (61) Relacionamentos (10) Religiosas (19) Renato Russo (1) Ruas (2) Sabedoria (9) São Paulo (1) Sapatos (1) Saudades / Ausência (17) Ser louco (4) Shakespeare (5) Slash (1) Snoop (1) Sofrer (12) Solidão (6) sonhos (1) Stendhal (1) Stephen Hawking (1) superação (8) Televisão (2) Tempo (6) Thomas Huxley (1) Victor Hugo (4) Vida (36) Vingança (1) Vinicius de Moraes (14) William Blake (1) Winston Churchill (1)