Seja bem vindo ao meu blog, Deixe seu recado e opinião ;)
RSS

26 de dezembro de 2012

Arthur Schopenhauer, in 'Aforismos para a Sabedoria de Vida'


Para as nossas ações e omissões, não é preciso tomar ninguém como modelo, visto que as situações, as circunstâncias e as relações nunca são as mesmas e porque a diversidade dos carácteres também confere um colorido diverso a cada ação. Desse modo, duo cum faciunt idem, non est idem (quando duas pessoas fazem o mesmo, não é o mesmo). Após ponderação madura e raciocínio sério, temos de agir segundo o nosso caráter. Portanto, também em termos práticos, a originalidade é indispensável; caso contrário, o que se faz não combina com o que se é


Ano Novo - Mafalda





Não adianta dar um ano novo para eles! Logo já vão quebrando.

Mafalda



Mafalda - por Quino

Slash


Gosto das bebidas mais fortes, dos cafés mais amargos, dos venenos mais lentos, do rock n' roll mais pesado, dos carros mais potentes, das drogas mais poderosas. Tenho um apetite voraz. E os delírios mais loucos. 
Você pode até me jogar de um penhasco e eu direi: 

E daí? Eu adoro voar!

10 de dezembro de 2012

Querido Diário (Tópicos para uma semana utópica)

Segunda-feira:
Criar a partir do feio
Enfeitar o feio
Até o feio seduzir o belo

Terça-feira:
Evitar mentiras meigas
Enfrentar taras obscuras
Amar de pau duro

Quarta-feira:
Magia acima de tudo
Drogas, barbitúricos
I Ching
Seitas macabras
O irracional como aceitação do universo

Quinta-feira:
Olhar o mundo
Com a coragem do cego
Ler da tua boca as palavras
Com a atenção do surdo
Falar com os olhos e as mãos
Como fazem os mudos

Sexta-feira:
Assunto de família:
Melhor fazer as malas
E procurar uma nova
(Só as mães são felizes)

Sábado:
Não adianta desperdiçar sofrimento
Por quem não merece
É como escrever poemas no papel higiênico
E limpar o cu
Com os sentimentos mais nobres

Domingo:
Não pisar em falso
Nem nos formigueiros de domingo
Amar ensina a não ser só
Só fogos de São João no céu sem lua
Mas reparar e não pisar em falso
Nem nas moitas dos metrôs nos muros
E esquinas sacanas comendo a rua
Porque amar ensina a ser só
Lamente longe, por favor
Chore sem fazer barulho

Poema escrito por CAZUZA aos 20 anos de idade.

SOBRE CAZUZA

O carioca, nascido em 4 de abril de 1958, que cantou e compôs letras que até hoje continuam sendo interpretadas por grandes nomes da música brasileira, faleceu no dia 7 de julho de 1990. Cazuza morreu aos 32 anos, pouco tempo depois de ter revelado ser soropositivo.
Antes de seguir a carreira solo, ele fez sucesso como vocalista da banda Barão Vermelho, época em que compôs várias letras em parceria com Frejat. 
Polêmico, suas declarações nem sempre agradavam a todos, mas o legado musical que deixou poderia ser traduzido pelo trecho de uma de suas próprias canções, pois era capaz de ‘transformar o tédio em melodia’ (Todo amor que houver nessa vida).

Filosofia de rua



6 de dezembro de 2012

Dias ruins são necessários

Para os dias bons valerem a pena!

Ninguém é muita areia pra ninguém.


Pessoas aparentemente especiais se apaixonam por outras aparentemente banais e isso não é um trote, não é uma pegadinha, não é nada além do que é:
Um inesperado presente da vida, que todos nós merecemos.
Martha Medeiros

26 de novembro de 2012

Paulo Geraldo


Eu agora sei bem que os melhores brinquedos são os irmãos.
Brinquedos vivos, que dão e recebem, que nos fazem crescer e crescem também pelas nossas mãos.
Que se transformam depois em grandes amigos para toda a vida, em companhia sempre presente de uma maneira ou de outra, em refúgio e estímulo.
Em algo que fica quando se perde tudo aquilo a que nos conduziu a nossa loucura, quando se perde o que o tempo nos vai levando.
A gente briga, mas se ama.

Leo Buscaglia


"Muito freqüentemente, nós subestimamos o poder do carinho, 
de um sorriso, uma palavra amável, um ombro amigo, dar ouvidos, 
um elogio honesto, ou o menor ato de dedicação, pois todos 
têm o poder de transformar uma vida."


Tudo passa...




Chuva passa, tempestade passa, até furacão passa.
Difícil é saber o que fica.

Millôr Fernandes

Use SAIA

E seja feliz...

14 de novembro de 2012

Me deixa ver como viver é bom



Não é a vida como está, e sim as coisas como são
Legião Urbana - Meninos e Meninas

12 de novembro de 2012

William Blake


Veja o mundo num grão de areia, 
veja o céu em um campo florido, 
guarde o infinito na palma da mão,
e a eternidade em uma hora de vida!

E assim existimos...


Indo aos tantinhos, passinhos e beijinhos; sendo um bocado de Beatles e umas mordidas de bossa nova. Pão de Ló: não somos mais que um punhado de purpurina que o vento ainda vai soprar.
Deixe brilhar, deixe voar, deixe estar, deixe amar.

Beto, in Café com Açúcar (Sophia)

4 de novembro de 2012

Stephen Hawking

Pessoas quietas possuem mentes barulhentas.

1 de novembro de 2012

Kelly Clarkson - Sober

Cortei todas as minhas ervas daninhas para manter as flores.

31 de outubro de 2012

Às vezes no silêncio da noite...


25 de outubro de 2012


Superar é preciso.
Seguir em frente é essencial. 
Olhar pra trás é perda de tempo. 
Passado se fosse bom era presente.
(A.D.)


“Não eram um casal perfeito, daqueles de cinema. 
Brigavam muito, ficavam um tempo sem se falar e nesse intervalo ainda rolava uma guerra de indiretas, cada um querendo ser o dono da verdade. 
Mas no fundo eles sabiam que tudo era joguinho bobo de orgulho, e que por trás das caras fechadas e bicos não se aguentavam de saudade. 
Tudo bem se eles passavam uma imagem de cão e gato, mas uma coisa é certa…
Eles se amavam mais do que qualquer coisa.”
Caio F. Abreu

Família


Que a família comece e termine sabendo onde vai.
E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai.
Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor.
E que os filhos conheçam a força de onde brota o amor.

Que marido e mulher tenham força de amar sem medida.
Que ninguém vá dormir sem pedir ou dar seu perdão.
Que as crianças aprendam no colo o sentido da vida.
Que a família celebre a partilha do abraço e do pão.

Pe. Zezinho SCJ

22 de outubro de 2012

Não é o amor que sustenta o relacionamento. É o modo de se relacionar que sustenta o amor.

A.D.

18 de outubro de 2012

Osho



O Amor não deveria ser exigente,
senão, ele perde as asas e não pode voar;
torna-se enraizado na terra e fica muito mundano.
Então ele é sensualidade e traz grande infelicidade e sofrimento.
O amor não deveria ser condicional, nada se deveria esperar dele.
ele deveria estar presente, por estar presente, e não por alguma recompensa, e não por algum resultado.
Se houver algum motivo nele, novamente seu amor não poderá se tornar o céu. Ele está confinado ao motivo;o motivo se torna sua definição, sua froteira.
Um amor não motivado não tem fronteiras:
É a fragância do coração.

E o fato de não haver desejo de algum resultado não quer dizer que não haja resultados.
Há sim, e eles acontecem mil vezes mais, porque tudo o que damos ao mundo retorna e ressoa.
O mundo é um lugar que faz eco.
Se atirarmos raiva, a raiva voltará; se dermos amor, o amor voltará.

Mas esse é um fenômeno natural, e não precisamos pensar sobre ele.
Podemos confiar: isso acontece por si mesmo.
Esta é a lei do carma: tudo o que você semeia, você colhe; tudo o que você dá, você recebe.

Assim, não há necessidade de pensar a respeito, é automático.
Odeie, e será odiado;
Ame; e será amado.

Osho em "Osho Todos os Dias"

"Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe."

Oscar Wilde

20 de setembro de 2012

A LÓGICA DE EINSTEIN



Duas crianças estavam patinando num lago congelado da Alemanha. Era uma tarde nublada e fria, e as crianças brincavam despreocupadas. De repente, o gelo se quebrou e uma delas caiu, ficando presa na fenda que se formou .A outra, vendo seu amiguinho preso e se congelando, tirou um dos patins e começou a golpear o gelo com todas as suas forças, conseguindo por fim quebrá-lo e libertar o amigo.
Quando os bombeiros chegaram e viram o que havia acontecido, perguntaram ao menino:
– Como você conseguiu fazer isso? É impossível que tenha conseguido quebrar gelo, sendo tão pequeno e com mãos tão frágeis!
Nesse instante, o gênio Albert Einstein que passava pelo local, comentou:
– Eu sei como ele conseguiu.
Todos perguntaram:
– Pode nos dizer como?
– É simples. – respondeu o Einstein – Não havia ninguém ao seu redor , para lhe dizer que não seria capaz”

“Deus nos fez perfeitos e não escolhe os capacitados, capacita os escolhidos. Fazer ou não fazer algo só depende de nossa vontade e perseverança.”

18 de setembro de 2012

Novo Blog sobre Meio Ambiente e Sustentabilidade

Convido os visitantes deste blog a conhecer meu projeto novo, o blog Dose de Sustentabilidade, que aborda temas ambientais, sociopolíticos, reciclagem e decoração com materiais reaproveitados.
Acessem www.DoseDeSustentabilidade.blogspot.com.br

Obrigada ;)

Ensinam muitas coisas as garotas:



Se um cara lhe machuca, ele gosta de você.
Nunca tente aparar a própria franja.
E um dia, vai conhecer um cara incrível e ser feliz para sempre.
Todo filme e toda história implora para esperarmos por isso:
A reviravolta no terceiro ato, a declaração de amor inesperada, a exceção à regra. Mas as vezes focamos tanto em achar nosso final feliz que não aprendemos a ler os sinais, a diferenciar entre quem nos quer e quem não nos quer, entre os que vão ficar e os que vão te deixar.
E talvez esse final feliz não inclua um cara incrível.
Talvez seja você sozinha recolhendo os cacos e recomeçando, ficando livre para algo melhor no futuro.
Talvez o final feliz seja só seguir em frente.
Ou talvez o final feliz seja isso:
Saber que mesmo com ligações sem retorno e corações partidos, com todos os erros estúpidos e sinais mal interpretados, com toda a vergonha e todo constrangimento, você nunca perdeu a esperança.
Filme: Ele Não Está Tão Afim De Você

13 de agosto de 2012



"Só me apaixono quando meu sistema imunológico baixa, ou seja, amor é doença oportunista."
Arjuna Baptiston

Tags Autores e Temas

Ailin Aleixo (1) Albert Einsten (2) Álvaro de Campos (1) Amizade (28) Amor (80) amor próprio (6) André Compte-Sponville (1) Animais (4) Antoine de Saint-Exupéry (1) Ariano Suassuna (1) Arjuna Baptiston (1) Arquivo Pessoal (28) Arthur Schopenhauer (2) atitude (10) Augusto Cury (1) Autor desconhecido - A.D. (10) Awards (2) Beatriz Brum (1) Bob Marley (2) Buda (1) Caio F. Abreu (2) Carinho (1) Carlos Drummond de Andrade (11) Cazuza (1) Cecília Meireles (5) Charlie Brown Jr (1) Chico Buarque (1) Ciumes (1) Clarice Lispector (6) Clarisse Correa (1) Colleen Houck (1) coração (2) Crescer (1) Dalai-Lama (3) dieta (1) dificuldades (3) Diversos (48) Dom Helder Câmara (1) Drogas (2) Educação (2) Escolhas (1) etnia (1) Eu me chamo Antonio (2) Família (5) Felicidade (17) Fernanda Mello (1) Fernando Pessoa (12) Filmes (3) Foto mensagem (5) Frases (74) futuro (5) Gabriel Silva (1) Gandhi (3) Haroldo de Campos (1) Hermann Hesse (1) Humanidade (12) Humor (27) Isadora Lustosa (1) Kelly Clarkson (1) Kid Cudi (1) Leo Buscaglia (1) Luis Carlos Lisboa (1) Luis Fernando Veríssimo (2) Luiz Pondé (1) Machado de Assis (1) Mafalda (1) Malala Yousafzai (1) Marcos Donizetti (1) Marilyn Monroe (1) Mario Quintana (16) Martha Medeiros (3) medo (1) Michel Melamed (1) Millôr Fernandes (1) Mulher (20) Música (17) Natureza (11) Oscar Wilde (1) Osho (3) Pablo Neruda (4) Padre Fábio de Melo (2) Paulo Coelho (6) Paz (3) PC Siqueira (1) Placas (2) Poemas (20) Política (1) Positividade (7) Provérbios (19) Quadrinhos (4) realidade (1) Reflexões (61) Relacionamentos (10) Religiosas (19) Renato Russo (1) Ruas (2) Sabedoria (9) São Paulo (1) Sapatos (1) Saudades / Ausência (17) Ser louco (4) Shakespeare (5) Slash (1) Snoop (1) Sofrer (12) Solidão (6) sonhos (1) Stendhal (1) Stephen Hawking (1) superação (8) Televisão (2) Tempo (6) Thomas Huxley (1) Victor Hugo (4) Vida (36) Vingança (1) Vinicius de Moraes (14) William Blake (1) Winston Churchill (1)